quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Aplicação de um Organograma

Assistam este video que mostra aplicação de um Organograma


video
A ORGANIZAÇÃO ESTRUTURAL / A ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

Muitas vezes vemos empresas que deixam de apresentarem bons resultados por falta de uma estrutura organizacional.

E a estruturação organizacional já começa quando a empresa tem até mesmo menos de uma dezena de funcionários, quando ela já pode definir claramente a sua estrutura, via divisão adequada de funções.

A estrutura organizativa de uma EMPRESA, indica o conjunto das relações existentes entre as suas várias unidades organizacionais ou pessoas.

A técnica de estruturação organizacional tem por fim a definição clara de responsabilidades e relações funcionais entre as diversas unidades ou pessoas, de modo a evitar confusão, duplicidades e omissões, e ordenar estas relações de maneira lógica, de forma que os níveis de supervisão sejam observados, as funções interdependentes sejam coordenadas se entrosando harmonicamente e os processamentos e rotinas resultem simples, claros e diretos.

Modelos de Organograma

Check out this SlideShare Presentation:

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Estrutura Organizacional

- Estruturas Organizacionais -

· Deve ser delineado de acordo com os objetivos e estratégias estabelecidos pela empresa.
· É uma ferramenta básica para alcançar as situações almejadas pela empresa.

Conceito de estrutura organizacional

Organização da empresa é a ordenação e o agrupamento de atividades e
recursos, visando ao alcance de objetivos e resultados estabelecidos.
Djalma, 2002, p. 84.

Estrutura organizacional: Forma pela qual as atividades de uma organização são divididas, organizadas e coordenadas. Stoner, 1992, p.230.

Funções dos executivos:

O executivo tem a função de organizar toda a empresa para o seu perfeito
funcionamento, além disso, três outras funções básicas fazem parte da sua
vida. São elas:

· Planejamento da empresa – objetivos esperados.

· Direção da empresa – orientação, coordenação, motivação, liderança das atividades.

· Controle da empresa – acompanhamento, controle, avaliação dos resultados.

· Organização – ordem nas coisas.




Benefícios de uma estrutura adequada.

· Identificação das tarefas necessárias;

· Organização das funções e responsabilidades;

· Informações, recursos, e feedback aos empregados;

· Medidas de desempenho compatíveis com os objetivos;

· Condições motivadoras.

Estrutura:

· Toda empresa possui dois tipos de estrutura: Formal e informal.

Formal: Deliberadamente planejada e formalmente representada, em alguns aspectos pelo seu organograma.

· Ênfase a posições em termos de autoridades e responsabilidades.

· É estável.

· Está sujeita a controle.

· Está na estrutura.

· Líder formal.

Informal: Surge da interação social das pessoas, o que significa que se desenvolve espontaneamente quando as pessoas se reúnem. Representa relações que usualmente não aparecem no organograma.

São relacionamentos não-documentados e não-reconhecidos oficialmente entre os membros de uma organização que surgem inevitavelmente em decorrência das necessidades pessoais e grupais dos empregados.

· Está nas pessoas.

· Sempre existirão.

· A autoridade flui na maioria das vezes na horizontal.

· É instável.

· Não está sujeita a controle.

· Está sujeita aos sentimentos.

· Líder informal.

· Desenvolve sistemas e canais de comunicação.

Vantagens da estrutura informal.

· Proporciona maior rapidez no processo.

· Complementa e estrutura formal.

· Reduz a carga de comunicação dos chefes.

· Motiva e integra as pessoas na empresa.

Desvantagens:

· Desconhecimento das chefias.

· Dificuldade de controle.

· Possibilidade de atritos entre pessoas.

Fatores que condicionam o aparecimento da estrutura informal.

· Interesses comuns

· Interação provocada pela própria estrutura formal.

· Defeitos na estrutura formal.

· Flutuação do pessoal dentro da empresa.

· Períodos de lazer.

· Disputa do poder.

A estrutura informal será bem utilizada quando:

· Os objetivos da empresa forem idênticos aos objetivos dos indivíduos.

· Existir habilidade das pessoas em lidar com a estrutura informal.

ESTRUTURA FORMAL

· É representada pelo organograma da empresa e seus aspectos básicos.

· Reconhecida juridicamente de fato e de direito.

· É estruturada e organizada.

Elaboração da estrutura organizacional

É o conjunto ordenado de responsabilidades, autoridades, comunicações e decisões das unidades organizacionais de uma empresa.

· Não é estática.

· É representada graficamente pelo organograma.

· É dinâmica.

· Deve ser delineada de forma a alcançar os objetivos institucionais.
(Delinear = Criar, aprimorar).

· Deve ser planejada.

O Planejamento deve estar voltado para os seguintes objetivos:

· Identificar as tarefas físicas e mentais que precisam ser desempenhadas.

· Agrupar as tarefas em funções que possam ser bem desempenhadas e atribuir sua responsabilidade a pessoas ou grupos.

· Proporcionar aos empregados de todos os níveis:

· Informação.

· Recursos para o trabalho.

· Medidas de desempenho compatíveis com objetivos e metas.

· Motivação.

TIPOS DE ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

· Funcional.
· Clientes.
· Produtos.
· Territorial.
· Por projetos.
· Matricial.

CONDICIONANTES DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL.

· Objetivos e estratégias,
· Ambiente,
· Tecnologia,
· Recursos humanos.

NÍVEIS DE INFLUÊNCIA DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL.

· Nível estratégico,
· Nível tático,
· Nível operacional.

NÍVEIS DE ABRANGENCIA DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL.

Três níveis podem ser considerados quando do desenvolvimento e implantação da
estrutura organizacional:

· Nível da empresa,
· Nível da UEN – Unidade Estratégica de Negócio
· Nível da Corporação.

Considerações básicas dos componentes da estrutura organizacional.


Sistema de responsabilidade:

Obrigação que uma pessoa tem de fazer alguma coisa

· Está relacionado a prestação de contas a quem atribuiu responsabilidade.

· Os aspectos básicos do sistema de responsabilidade são:
Departamentalização, linha e assessoria, atribuições das unidades

Sistema de autoridade:

Direito de fazer, tomar decisões, dar ordens, dirigir

Limites de autoridade

São dois os tipos de autoridade:

· Hierárquica: Segue as linhas de comando estabelecidas pela estrutura hierárquica da empresa.

Autoridade Hierárquica

· Funcional: Correspondente à autoridade estabelecida pela função exercida pelas unidades organizacionais

Autoridade funcional Lista com marcadores

Sistema de Comunicações

Deve-se verificar até que ponto a forma estrutural atende às necessidades de
comunicação da empresa.

O sistema de comunicação é a rede por meio da qual as informações que
permitem o funcionamento da estrutura de forma integrada e eficaz.

Deve ser considerado:

· O que deve ser comunicado
· Como deve ser comunicado
· Quando
· De quem deve vir a comunicação
· Para quem deve ir a comunicação
· Por que deve ser comunicado
· Quando deve ser comunicado


Condicionantes da estrutura organizacional.

Fator humano

A empresa funciona por meio de pessoas, a eficiência depende da qualidade
intrínseca e do valor e da integração dos homens que ela organiza.

Ao desenvolver uma estrutura organizacional deve-se levar em consideração o
comportamento e o conhecimento das pessoas que irão desempenhar funções.

Não podemos esquecer da MOTIVAÇÃO.

Fator ambiente externo

Avaliação das mudanças e suas influências.

Fator sistema de objetivos e estratégias

Quando os objetivos e estratégias estão bem definidos e claros, é mais fácil
organizar. Sabe-se o que se espera de cada um.

Fator tecnologia

· Conhecimentos
· Equipamentos

IMPLANTAÇÃO DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

Três aspectos devem ser considerados:

1. a mudança na estrutura organizacional.
2. o processo de implantação; e
3. as resistências que podem ocorrer.

AVALIAÇÃO DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

· Levantamento
· Análise
· Avaliação
· Políticas de avaliação de estruturas.